Convidados

Quer ser orador do Cinclus Fest?

Se possui uma boa colecção de imagens e uma interessante história para contar sobre o mundo natural, apresente a sua proposta ao Festival Cinclus para se candidatar a partilhar com um vasto público o seu trabalho neste evento de referência nacional, veja como poderá participar.
As inscrições terminam a 31 de dezembro de 2016.


Elsa santos //

Elsa Santos, nasceu em 1969, no sul da alemanha, próximo da floresta negra. em 1984 passa a residir em portugal. licencia-se em línguas e literaturas modernas na faculdade de letras de lisboa. em 2011 concluiu a pós-graduação em território, ambiente e desenvolvimento sustentável na faculdade de ciências e tecnologias. trabalha desde 1991 principalmente em produção de eventos. em 2012 frequenta um curso de iniciação à fotografia da natureza (orientado por ricardo guerreiro e alexandre vaz), junta-lhe alguns workshops e a paixão pela fotografia da/na natureza ficou. premiada no concurso nacional de fotografia da natureza "parques e vida selvagem", categoria flora, líquenes e fungos (2013) e no concurso ambiente e imagens dispersas, ambid (2015) na categoria de flora e fungos. obteve também uma menção honrosa no ambid (2014) e no generg/cinclus (2016). finalista por diversas vezes e em diversas categorias no concurso nacional de fotografia da quercus. teve fotografias publicadas e expostas em mostras decorrentes de concursos, incluindo do concours nature et forêt 2014,bélgica.

Hugo Sousa //

Hugo Sousa, Apaixonado pela Natureza desde que se lembra, muito o deve aos locais onde cresceu… Parte da infância vivida nos Alpes Franceses, e depois no sopé da Serra da Estrela até ir para a universidade. Assim, foi com naturalidade que surge a escolha se licenciar em Biologia. Depois de trabalhar na área em Lisboa, regressa ao seu interior ainda que abraçando um projecto afastado da sua área académica, e é na fotografia que reencontra a ligação à natureza… Desenvolve actualmente um projecto fotográfico no seu concelho com esquilo, mamífero que esteve ausente de território nacional durante 4 séculos.

Maurício Soares //

Maurício Soares nasceu em 1956. Desde há anos que se dedica-se à fotografia de natureza e embora não seja a sua principal ocupação, é na fotografia de aves que desenvolve esta paixão. Para concretizar este objectivo, procura locais emblemáticos, que lhe permitem fixar em imagens o que tanto de belo a Natureza proporciona.

Miguel Serra //

www.miguelserra.net

Miguel Serra nasceu em Manteigas a 13 de Junho de 1973, terra que o viu crescer e onde permanece. Temporariamente ausente aquando da frequência do Ensino Superior é Licenciado em Comunicação e Relações Públicas e detém uma Pós-Graduação em Marketing Territorial, desempenhando funções na Câmara Municipal de Manteigas, no serviço de Cultura, Comunicação e Imagem. A paixão pela fotografia e o amor à natureza faz com que acorde, com muita frequência, antes que todos. O invulgar despertar da Estrela provoca-lhe insónias. A sua Serra é um íman que o atrai madrugada atrás de madrugada. E que a ela não consegue resistir. Esta paixão proporciona-lhe alguns prémios de fotografia, que passados escassos anos, vieram apenas atestar o percurso. Feito em paisagens que conhece, respeita e quer divulgar. Em dezembro de 2012 publica o seu primeiro livro de fotografia sob o título «Momentos da Montanha - Manteigas e a Serra da Estrela».

Pedro Narra //

Pedro Narra nasceu em 1974 em Setúbal, cidade piscatória e emblemática pelos simpáticos habitantes do rio Sado, os golfinhos. Com raizes no Alentejo, aprende a observar e respeitar a natureza, desde a infância que divide o seu tempo entre o mar e o campo. Vive nas proximidades da Reserva Natural do Estuário do Sado, que considera o seu estúdio de fotografia de natureza e que constitui um dos mais belos refúgios de vida selvagem em todo o território nacional, com uma grande diversidade de espécies. Tem viajado pela Antártica, Ásia e África, a sua grande paixão que tem registado fotográficamente. Em 2009 em co-autoria publicou em o livro “Golfinhos do Sado” que regista a vida e história da única comunidade residente de golfinhos roazes em Portugal. O seu trabalho está publicado em inumeros artigos e publicações em revistas nacionais e estrangeiras, destacando-se a National Geographic Portugal, onde tem colaborado regularmente.

Pedro Baptista //

Pedro Baptista é de Coimbra, cresceu numa pequena aldeia suficientemente longe do centro urbano para lhe proporcionar uma ligação muito forte à Natureza e ao campo. Engenheiro Geólogo de profissão, foi trabalhar para África em 2007 e manteve-se fora de Portugal durante 8 anos, depois de viver longos períodos em sítios remotos da Mauritânia e da Guiné Equatorial, passando também pelo Gana e um ano no Qatar. Começou a dedicar-se à fotografia de natureza enquanto vivia em plena floresta tropical Africana, e a fotografia rapidamente deixou de ser apenas uma forma de evasão. Em 2015 decidiu suspender a sua atividade profissional no estrangeiro, para se dedicar a projetos pessoais na sua região, entre os quais a fotografia de natureza e vida selvagem. Espera com as suas fotografias conseguir mostrar a beleza e diversidade do património natural da região do Baixo Mondego, projeto que abraçou recentemente. O seu modo de fotografar está em permanente metamorfose. Diz que as suas melhores imagens serão sempre aquelas que ainda vai fazer.

Nuno Cabrita //

Nuno Cabrita nasceu a 14 de setembro de 1974, na cidade do Barreiro, Portugal. Apesar de viver toda a sua vida até à data em ambiente urbano, teve a sorte e privilégio de poder privar, desde muito pequeno com o meio natural, fator que lhe moldou a forma como sente e observa o que o rodeia. Guiado pelo fascínio que nutre pelo meio natural, seus seres e atmosferas, mas também pelo gosto por fotografia, decide começar a registar imagens de vida selvagem e paisagem natural que normalmente passam despercebidas. O registo fotográfico que pratica não segue um único estilo, variando entre o descritivo e o abstrato, pois para ele uma fotografia é o resultado criativo da soma do que vemos e sentimos, mas também do que queremos.

Luís Quinta //

Colaborador regular da National Geographic Magazine e da revista Visão. Publicou mais de um milhar de artigos e reportagens na imprensa nacional. Diversos artigos e imagens publicadas na imprensa internacional. Autor de vários livros e colaborador em muitos outros em Portugal e no estrangeiro. Vários prémios de grande destaque em concursos de fotografia de natureza em Portugal e no mundo. Colaborador regular com diversas universidade e museus de Portugal, com várias imagens publicadas em diversos artigos científicos. Integrou o «Dream Team» do maior projeto fotográfico sobre natureza na Europa – «Wild Wonders of Europe». Co-autor do filme de história natural - "Arrábida da Serra ao Mar", "Almada entre o rio e o mar" e "Reino Maravilhoso - Por Terras do Alvão e do Marão".

Luis Afonso //

perspectiva.luisafonso.com

Nasceu em 1972 e reside actualmente em Lisboa. Formado em Informática e Gestão, começou a fotografar com a câmara de um amigo em meados de 1996. Para além de retratar o ambiente natural, nas vertentes da geomorfologia e da flora, gosta de escrever sobre o lado mais filosófico da fotografia. Vê a fotografia de natureza como um meio de expressão criativa capaz de apresentar conceitos mais profundos do que apenas “isto foi o que eu vi”. Desde 2010 dá formação e lidera passeios fotográficos por todo o país. Expôs o seu trabalho por diversas vezes em Portugal e no Reino Unido. É autor do blog “Perspectiva” (http://perspectiva.luisafonso.com/).

Angel Fitor //

http://www.seaframes.com

Angel Fitor de nacionalidade Espanhola, é fotografo profissional subaquático e biólogo. As suas imagens são publicadas em inúmeras revistas e tem sido premiado nos mais prestigiados concursos de fotografia de natureza, BBC Wildlife Photographer of the Year, GDT European Wildlife Photographer of the Year, and the National Geographic Photo Contest.